Gota – Causas, Sintomas e Tratamento

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

A gota é uma doença inflamatória, metabólica e reumatológica que atinge pessoas entre 30 e 50 anos de idade. Quando primária, sua causa ainda é desconhecida, entretanto, sabe-se que ela carrega algum componente genético. Quando secundária, sua causa é provocada por outras doenças ou medicamentos. Os sintomas mais comuns da doença são dores extremas, edema, calor, rubor, etc.

Nas últimas duas décadas, o número de adultos diagnosticados com gota  aumentou significativamente, segundo uma nova pesquisa (publicada na revista Health & Life).  A gota é uma forma de artrite inflamatória provocada por um acúmulo de ácido úrico nas articulações. Esse grande aumento no número de casos da doença se deve as crescentes taxas de obesidade e pressão arterial elevada, cada vez mais comuns.

Gota é uma forma de artrite inflamatória provocada por um acúmulo de ácido úrico nas articulações.

Os estudos afirmam que a prevenção desses fatores de risco pode ajudar a reduzir o número de pessoas que desenvolvem a doença. A gota afeta cerca de 3% da populção adulta geral, de acordo com o estudo apresentado.

A hiperuricemia, seria uma “pré-gota”, condição associada a níveis elevados de ácido úrico no sangue, afetando cerca de 21% da população adulta geral. O estudo também mostrou que a doença se tornou muito mais popular nas últimas duas décadas.

Casos de gota aumentaram cerca de 2%, enquanto os casos de hiperuricemia aumentaram cerca de 4%. Pesquisas anteriores mostraram que a gota está ligada à “síndrome metabólica”, um grupo de condições de saúde envolvendo a obesidade, resistência à insulina, pressão arterial elevada e colesterol alto, diabetes e doenças cardíacas.

De fato, a doença é muito mais comum em homens do que em mulheres, cerca de 8% contra 2%, respectivamente. A prevalência de gota e hiperuricemia continuam a ser substanciais na população adulta geral.

Melhorias na gestão de factores de riscos modificáveis​​, como obesidade e hipertensão, podem ajudar a evitar um novo aumento de casos de gota e hiperuricemia. De fato, a gota não é uma doença grave, porém, na maioria dos casos está associada diretamente à doenças potencialmente graves, como a dislipidemia, pressão arterial elevada, obesidade, diabetes, dentre outros.

Uma dieta equilibrada, com o intuito de tratar doenças relacionadas e normalizar os níveis de ácido úrico no sangue, é o melhor tratamento a ser seguido. É extremamente importante diminuir o consumo de carne vermelha, miúdos, frutos do mar e bebidas álcoolicas. Vale lembrar que consultar um  médico é extremamente importante, para que um diagnóstico preciso e um tratamento adequado sejam indicados.

 

 

 

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 0 Flares ×

12 Receitas Deliciosas Para Queimar Gordura

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *