Sexo inseguro associado ao contágio de HIV

1 Flares Twitter 1 Facebook 0 Google+ 0 LinkedIn 0 1 Flares ×

Um novo estudo realizado na Espanha revela que o consumo excessivo de bebidas alcoólicas pode levar ao sexo inseguro e problemas relacionados. O sexo inseguro é a causa mais comum de infecção pelo HIV, por isso, encontrar formas de prevenir o sexo é uma meta importante dos esforços de saúde pública para prevenir o vírus da AIDS. O uso excessivo de bebidas alcoólicas tem sido associado com a incidência de HIV.

No entanto, não ficou claro se o sexo inseguro associado com álcool realmente levou à infecção pelo HIV, ou se certos traços de personalidade, tais como a busca de sensações ou comportamentos de risco, levou tanto ao uso de álcool quanto sexo inseguro. Neste estudo, os pesquisadores realizaram 12 experimentos que testaram essa relação de causa e efeito. Eles concluíram que o álcool afeta a tomada de decisões e que este efeito aumenta a quantidade de álcool consumida. Os autores do estudo afirmaram que quanto mais álcool os participantes bebiam, mais eles estavam dispostos a se envolver em relações sexuais sem proteção.
saude  bebidas alcoolicas no emagrecimento 70 170 300x220 Sexo inseguro associado ao contágio de HIV
Para cada 0,1 miligramas por mililitro no nível de álcool no sangue, houve um aumento de 5% na probabilidade de um participante do sexo inseguro.

Beber tem um efeito causal sobre a probabilidade de se envolver em relações sexuais sem proteção, e, portanto, deve ser incluída como um fator importante nos esforços de prevenção para o HIV. Este resultado também ajuda a explicar por que as pessoas em risco muitas vezes mostram este comportamento, apesar de possuírem um melhor conhecimento.

De fato, o álcool pode influenciar nos processos de decisão. Além disso, o consumo excessivo de bebidas alcoólicas também pode oferecer um risco maior de infecção por diversas doenças sexualmente transmissíveis, além de uma possível gravidez indesejada.

Principalmente aqui no Brasil, o álcool ainda é problema “cultural”, onde beber é um hábito e é passado de gereção para geração. Mesmo essa “tradição” sendo mais vista no interior, também é possível notar que esse exagero no consumo de bebidas alcoólicas também acontece nas grandes cidades, e isso pode ter um impacto significativo na vida do indivíduo.

Mesmo com tanta informação circulando por tantos meios de comunicação, falando à respeito dos riscos que o consumo excessivo de álcool podem oferecer, ainda vemos muitos acidentes nos quatro cantos do nosso país. Diversos tipos de acidentes provocados por pessoas embriagadas, acidentes que poderiam ser facilmente evitados e diversas vidas seriam poupadas.

Similar posts

Sem comentários ainda

Deixe um comentário



Digite seu endereço de email para assinar este blog e receber novidades por e-mail.

Junte-se a 6 outros assinantes

Siga-me no Twitter